Qual a diferença entre sorvete e sorbet? Venha descobrir!

4 minutos para ler

É difícil encontrar alguém que não conheça ou não goste das sobremesas geladas e tradicionais do verão, afinal, são muito refrescantes e apresentam grande variedade de sabores. Porém, por mais comuns que sejam, ainda é possível inovar dentro desse ramo. Para isso, é indispensável conhecer a diferença entre sorvete e sorbet. 

Estar por dentro das principais características de cada um desses produtos é o que garante um diferencial na lucratividade e produção. Na hora de vender, é necessário saber como apresentar o alimento da maneira mais chamativa e vantajosa para seu cliente. Além de assegurar que esse será um investimento conveniente para você e seu negócio. 

Por isso, nada melhor que começar descobrindo as distinções entre o sorvete tradicional e o sorbet. Quer ficar por dentro das características de cada? Confira o conteúdo a seguir!

Quantidade de gordura

O sorvete tradicional, aquele que estamos acostumados a ver na maioria das sorveterias, costuma ser produzido principalmente com uma base de gordura vegetal hidrogenada. Essa escolha se deve ao baixo custo do ingrediente e à cremosidade que proporciona ao alimento, tornando-o também mais calórico e menos saudável.

Já o sorbet não leva adição de gordura na fabricação, pois é feito à base de água. Isso não significa que ele é um produto zero gordura, uma vez que alguns dos sabores escolhidos podem conter quantidades moderadas de lipídios na composição. Porém, a qualidade delas é superior por não ser altamente industrializada, mas proveniente das frutas ou castanhas utilizadas.

Textura do produto

Devido à diferença de bases utilizadas nesses produtos, a textura dos dois pratos também apresenta diferenças significativas para o paladar. O sorvete tem um aspecto mais cremoso devido à gordura vegetal, tornando-o levemente mais oleoso ao toque.

No caso do sorbet, que não apresenta adição de gorduras, a textura é muito mais leve e fina. Não chega a parecer com um picolé, pois ele fica mais cremoso com o uso de máquinas adequadas que ajudam na incorporação de ar. Ao saboreá-lo, você perceberá que ele derrete mais facilmente na boca, transformando-se em um suco.

Componentes utilizados

Quando o assunto é a composição desses alimentos, o sorbet tem um grande diferencial. Sua fórmula é muito mais simples — leva apenas água, açúcar e frutas ou castanhas, dependendo do sabor escolhido. Uma receita bem simples, não é mesmo?

Para tornar o sorvete que conhecemos mais saboroso e barato, são utilizados diversos ingredientes em sua fabricação. Água, gorduras, açúcares ou adoçantes, leite, creme de leite, leite condensado, aromatizante, corantes e emulsificantes são alguns dos mais utilizados.

Propriedades

Devido às características únicas do sorbet e do sorvete é evidente que o primeiro é uma opção muito mais leve e saudável. Ele é ideal para atender um público mais preocupado com a saúde, afinal, apresenta maior quantidade de nutrientes e menor valor calórico. Enquanto o sorvete recebe grande quantidade de aditivos, sendo uma excelente opção para clientes que procuram um preço mais acessível.

As diferenças entre sorvete e sorbet são bem demarcadas, tornando cada um desses pratos, inclusive o gelato italiano, vantajoso para determinados públicos e situações. No entanto, investir no sorbet pode ser um grande diferencial competitivo para a sua sorveteria, uma vez que ele ainda não se popularizou no Brasil. 

Gostou de saber a respeito das características dessas sobremesas? Aproveite para conhecer também os 5 principais tipos de sorvete que estão fazendo sucesso no mercado

Você também pode gostar

Deixe um comentário