Conheça os 5 principais tipos de sorvete para investir!

3 minutos para ler

Mesmo em tempo de crise econômica, é comum perceber que o setor alimentício se destaca bastante, e o mercado de sorvete não fica de fora. Essa sobremesa é uma das mais requisitadas por ser saborosa e agradar diferentes paladares. Assim, existem vários tipos de sorvete que podem ser trabalhados nos estabelecimentos, cada um conforme o objetivo e as capacidades de produção do negócio.

A grande variedade de produtos e sabores pode trazer um retorno cada vez maior, pois o cliente perceberá que o estabelecimento apresenta diversidade e qualidade, sentindo-se à vontade para voltar.

Neste post, vamos apresentar 5 tipos de sorvete que não podem faltar em seu estabelecimento. Confira!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

1. Frozen yogurt

O frozen yogurt é uma opção saudável e refrescante para quem deseja cuidar do corpo. Ele é feito com iogurte e apresenta uma concentração baixa de açúcar e gordura.

O produto não é 100% iogurte congelado, pois existe a adição de estabilizantes, emulsificantes, leite e outros ingredientes que também são usados na produção de sorvetes. Uma boa opção é investir o fronzen yogurt em estabelecimentos que têm uma proposta mais saudável.

2. Gelato

O gelato é febre entre os brasileiros e tem origem italiana, além de ficar conhecido por ser artesanal. A produção é parecida com a do sorvete caseiro, e são usados ingredientes frescos em seu preparo.

A gordura utilizada é a do leite, e em sua composição não há estabilizante, emulsificante e gordura hidrogenada. Por apresentar ingredientes naturais, o gelato é uma boa opção de sobremesa saudável e refrescante. Para quem deseja se destacar no mercado, não pode deixar de oferecer esse tipo de sorvete no estabelecimento.

3. Sorvete de massa industrializada

Esse tipo é o clássico sorvete de pote vendido nas sorveterias e supermercados. Ele apresenta uma textura leve e suave, em decorrência da incorporação de ar em sua produção. São utilizados conservantes e aditivos que auxiliam a manter a textura cremosa, como estabilizantes e emulsificantes.

Por isso, aposte em sabores tradicionais, como creme, chocolate e frutas vermelhas, já que podem alavancar as vendas. No entanto, lembre-se de oferecer sabores que fogem do tradicional, como café, doce de leite, brownie, entre outros.

4. Sorvete artesanal

O conceito de sorvete artesanal envolve algo caseiro, completamente oposto ao industrial. Ele não leva aromatizantes e nem corantes artificiais em seu preparo. É feito por meio de ingredientes frescos e naturais, o que o torna mais saudável que o industrializado.

5. Paleta mexicana

As pessoas se acostumaram com o sabor desse picolé mexicano e hoje é quase que obrigatório em qualquer boa sorveteria. A paleta mexicana é maior e um pouco mais pesada que o picolé tradicional, além de apresentar vários sabores. Muitas vezes, ela é feita com polpa de frutas e é semelhante ao sorbet.

Como vimos, existem diferentes tipos de sorvete que são deliciosos e podem agradar muitas pessoas. Assim, o verão é uma ótima oportunidade para começar um investimento nesse ramo, pois será possível entender qual o mais rentável para continuar a venda no resto do ano.

Gostou do texto? Então, assine a newsletter para receber conteúdos diretamente em seu e-mail!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário