Entenda as diferenças entre cacau alcalino e cacau natural

6 minutos para ler

O brasileiro ama chocolate, mas sabemos que em grandes quantidades o consumo pode trazer alguns problemas, além de ser bem calórico. Por isso, muitas pessoas optam por alimentos feitos com o cacau em pó, mais saudável e benéfico. Ele também tem se tornado um dos queridinhos dos confeiteiros e cozinheiros, mas você sabe como escolher entre o cacau alcalino e cacau natural?

Os dois têm propriedades antioxidantes, não são calóricos, proporcionam bem-estar e são ricos em vitaminas e sais minerais, como vitaminas C e E, ferro, cálcio e uma alta concentração de fibra dietética. No entanto, sua aplicação no preparo de sobremesas pede alguns cuidados para combinar sabores e aspectos.

Quer saber mais? Continue lendo e entenda quais são os tipos de cacau em pó e como utilizá-los em suas receitas para variar as opções. Confira!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

O que é o cacau em pó

O cacau em pó é feito com a amêndoa do cacau puro, sem adição de açúcar, leite ou manteiga. Resulta das sobras sólidas e secas após sua fermentação, ressecamento e torra. Ela é quebrada e moída para extrair sua gordura, sendo conhecida popularmente por manteiga de cacau. Contudo, existem dois tipos: o alcalino e o natural, que veremos as diferenças logo abaixo. Optar por um ou por outro faz muita diferença no resultado das receitas.

Diferença entre cacau alcalino e cacau natural

O cacau em pó natural tem cor clara e sabor amargo, geralmente usado em receitas de bolo e brownie. É o tipo que não passa por nenhuma manipulação durante sua extração, por isso ele é isento de alcalinizantes. Como se trata de um ingrediente ácido, ele necessita de uma base alcalina para reagir, como o bicarbonato de sódio. Assim, é possível diminuir essa acidez, fazer o bolo crescer e deixá-lo bem fofinho do jeito que a gente gosta.

Agora, o cacau em pó alcalino, também chamado de belga ou holandês, passa por um processo de alcalinização com carbonato de potássio, o que reduz consideravelmente a acidez. Isso resulta em sua cor mais escura e sabor leve, servindo mais facilmente para mistura com substâncias líquidas. É perfeito para os que não gostam do teor amargo e ideal no preparo de caldas, bebidas e doces. No entanto, é importante não se esquecer de usar fermento em pó em suas receitas.

Como utilizar corretamente cada tipo de cacau em suas receitas

Temos dois pontos para considerar na escolha entre os tipos de cacau. Primeiro, é a questão do sabor: enquanto o natural é mais ácido e forte, o alcalino ganha na suavidade e vai melhor em receitas nas quais se utiliza leite condensado e creme de leite. Então, escolha bem de acordo com as sobremesas que você quer oferecer aos seus clientes. Inclusive, a opinião deles é muito importante para saber os pedidos com mais demanda.

Outro fator é a reação química, já que podemos ter bons resultados com os dois formatos de cacau em pó no preparo de bolos, por exemplo. Então, como fazer? Aqui, devemos prestar atenção na mistura de um ingrediente ácido com uma base. Se for usar bicarbonato de sódio, escolha o natural, já no caso do fermento químico em pó, opte pelo alcalino.

Viu como é simples? Agora é só preparar aquelas receitinhas deliciosas. Nossa dica é seguir alguma das que mostraremos.

Receitas com cacau natural e alcalino para você fazer, experimentar e vender

Reunimos duas receitas de dar água na boca, além de serem opções fitness. Então, pode vender para a clientela que não abre mão da dieta e academia, eles vão amar e voltarão sempre. Ou se preferir, pode fazer em casa também para o lanche da tarde. Uma é o famoso brownie de cacau com linhaça e a outra é o brigadeiro feito com biomassa, que tem ganhado vários adeptos.

Brownie de cacau natural com linhaça

Ingredientes

Modo de Preparo

Derreta a manteiga em banho-maria, coloque o cacau e misture até ficar uniforme. Em seguida, bata as claras em neve, acrescente as gemas e continue até a massa ficar clara. Ponha o açúcar e mexa até homogeneizar. Feito isso, junte o cacau, o trigo e a linhaça. Depois, Leve ao forno preaquecido a 230 °C por cerca de 20 minutos. A superfície deve ficar seca e o interior úmido.

Brigadeiro com biomassa

Ingredientes

  • 300 gramas de ameixas pretas desidratadas e sem caroço;
  • 3 colheres (sopa) de óleo de coco;
  • 6 colheres (sopa) de cacau alcalino em pó;
  • um pouco de mel. Cuidado para não exagerar visto que é uma receita doce;
  • 1 xícara e meia de água ou de leite de amêndoas;
  • 3 colheres de biomassa de banana verde. Para isso, cozinhe-as sem a casca e bata no liquidificador, ainda quente, com um pouco de água.

Modo de preparo

Deixe as ameixas de molho em um pouco de água para hidratá-las. Então, coloque a água ou o leite de amêndoas para ferver. Depois, ponha as ameixas e deixe no fogo por alguns minutos. Em seguida, coloque em um liquidificador ou processador com os outros ingredientes. O cacau em pó e o mel devem ser os últimos. Bata tudo até ficar homogêneo, despeje em um recipiente de vidro e tampe. Uma dica é levar à geladeira se preferir o brigadeiro mais firme.

Entender as diferenças entre cacau alcalino e cacau natural é essencial para você acertar nas receitas e não desperdiçar tempo, nem dinheiro, além de levar muito mais sabor e variedade ao seu público. Portanto, sempre que for comprar esse ingrediente, lembre-se das nossas dicas apresentadas neste post. Assim, você terá ainda mais sucesso em suas vendas.

Quer aproveitar todos os benefícios do cacau agora mesmo? Então, não perca tempo, entre em contato com a Nova Safra e garanta já o seu pedido!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-