Você sabe como elaborar um cardápio para um happy hour? Saiba por onde começar

4 minutos para ler

Depois de um longo dia de trabalho, todo mundo quer afrouxar a gravata e descansar do sapato por algumas horinhas, certo? Melhor ainda se isso puder ser feito na companhia dos amigos e com uma cerveja ou um drink gelados em mãos! Lembre-se disso sempre que estiver pensando em como elaborar cardápio de um happy hour.

Ainda que o clima seja leve e despojado, é preciso planejamento e organização para que o seu estabelecimento se destaque da concorrência nesse sentido. Afinal, não basta criar promoções incríveis se qualquer aspecto do atendimento deixar a desejar.

Então, quer saber como um cardápio bem pensado pode ser o diferencial que está faltando para o happy hour do seu estabelecimento? Acompanhe este texto até o fim e confira nossas dicas!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Invista em petiscos simples

A palavra-chave de qualquer happy hour é descontração, e isso certamente deve estar refletido no cardápio. Os petiscos precisam brilhar: invista na variedade de opções e sabores e considere possíveis restrições alimentares — como vegetarianos, veganos e pessoas que não podem consumir glúten ou lactose, por exemplo.

Além disso, já que a simplicidade é palavra de ordem, uma boa ideia é dar preferência a opções que podem ser consumidas com as mãos. Amendoins, azeitonas, composições variadas de queijos e outros frios, além dos famosos pasteizinhos, costumam ser bem recebidos. Já as bruschettas (em seus diferentes sabores) são boas para quem quer dar um toque mais gourmet ao happy hour.

Ofereça pratos principais

Ainda que os petiscos sejam as estrelas da noite — junto das bebidas, é claro — é importante ter, pelo menos, algumas opções de pratos principais no seu cardápio.

Como o ideal é que os alimentos oferecidos não tomem muito tempo da sua equipe, você pode investir em itens pré prontos ou congelados. Outra opção é o bom e velho espetinho, que pode ser apresentado em combos com diferentes opções de guarnições (arroz, farofa, vinagrete etc.). Um prato principal simples e agradável, tanto para você como para os consumidores, além de ser uma comida muito bem-aceita com a cervejinha do fim do dia!

Saiba harmonizar as bebidas

Por fim, as bebidas do seu happy hour e as comidas presentes no cardápio precisam conversar entre si! Na maioria das vezes, objetivo de quem frequenta esse tipo de evento é se descontrair depois de um longo dia de trabalho — e beber costuma ser mais atrativo que fazer longas refeições. Por isso, é fundamental investir na divulgação dessa harmonização, para incentivar que as comidas saiam tanto quanto as bebidas.

Crie cardápios que já privilegiem isso e garanta que a sua equipe tenha todas as dicas e informações sobre as combinações na ponta da língua. Ter uma carta de bebidas variadas também aumenta as chances de uma harmonização bem-sucedida.

Viu só como elaborar um cardápio pode ser menos complexo do que você imaginava? Lembre-se apenas de que, para garantir uma ótima experiência aos seus clientes, é muito importante investir na decoração e no treinamento da sua equipe, para criar o clima ideal. Pensar promoções que agradem o público e ainda sejam vantajosas financeiramente ao seu negócio também é fundamental, assim como ter estratégias para a divulgação do evento!

Esperamos que este texto tenha sido útil para você. Agora, se gostou da leitura, aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais e já convide os amigos para um test drive no seu estabelecimento seguindo as nossas dicas!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-