Cream cheese e seus benefícios o que considerar na compra

4 minutos para ler

Suave e versátil, essas são as características básicas de um bom cream cheese. Do doce ao salgado, são infindáveis as receitas que podem ser feitas com esse coringa gastronômico tão cremoso e delicioso.

Nascido de um engano, o cream cheese, em sua origem, era pra ter sido a receita de um queijo francês. Um equívoco no preparo fez com que se chegasse a um queijo de textura macia e cremosa e de sabor único. Um presente do acaso!

Fique atento a esse artigo para saber mais sobre essa saborosa iguaria, além de informações, valores nutricionais e receitas. Nos acompanhe!

Cream cheese versus requeijão

Apesar de parecidos, cream cheese e requeijão se diferem em alguns aspectos. Mesmo que ambos sejam queijos cremosos, o primeiro apresenta pH mais neutro enquanto o segundo pH mais ácido — próximo ao queijo. Isso faz com que o cream cheese tenha sabor mais suave em relação ao requeijão.

Em geral, o cream cheese também pode ser mais saudável, tendo em vista o menor valor calórico, menor teor de sódio, além do pequeno número de moléculas de gordura saturada em sua fórmula. Assim, é recomendado para quem não quer ganhar peso e para quem deseja cuidar da pressão arterial.

Como escolher o melhor ingrediente

Antes de ir ao mercado, diremos a você porque vale a pena investir nesse delicioso queijo cremoso. Além de ser extremamente polivalente — indo bem com tudo —, esse incrível ingrediente pode acrescentar sabor, cremosidade e personalidade para as suas receitas, sejam elas doces ou salgadas.

Dito isso, invista em uma marca sólida. Entretanto, há um forma de economizar. Visto que e o cream cheese pode ser usado desde o hábito diário de passar no pãozinho, até a sobremesa, opte por comprá-lo em maiores quantidades, de modo a sempre manter um estoque em sua cozinha e ainda economizar no valor proporcional.

Receitas mais gostosas com cream cheese

Como dito anteriormente, o produto em estado puro pode incrementar o seu pãozinho francês do café da manhã, ou uma torradinha no final da tarde. Mas pode-se fazer muito mais com esse queijo cremoso.

Doces

De sacolé gourmet a um belíssimo cheesecake, tudo parece possível com essa iguaria. O seu sabor suave e peculiar, assim como a sua textura, dá um toque único para sobremesas — que vão desde um sabor amanteigado a uma marcante nuance de queijo.

Quer saber mais? Experimente fazer a clássica receita de romeu e julieta com cream cheese:

  • triture meio pacote de biscoito maizena;
  • reserve 1 xícara de goiabada cremosa e 1 xícara de cream cheese
  • coloque camadas em potinhos: primeiro o biscoito, depois o cream cheese, por fim a goiabada. Sirva gelado.

Salgados

Novamente, o cream cheese não tem limites para as receitas. Para dar cremosidade e sabor na finalização de pratos, vai muito bem com massasrisotos, como recheio de proteínas e até em sopas.

Para não ficar só com água na boca, experimente fazer essa receita de sopa de abóbora. O preparo praticamente resume o que o cream cheese pode agregar em cremosidade e sabor:

  • refogue 500 gramas de abóbora com cebola, gengibre e azeite a gosto;
  • cozinhe a abóbora até desmanchar com o auxílio de um caldo de legumes, sal e pimenta a gosto;
  • bata a mistura no liquidificador, aqueça na panela e acrescente o cream cheese no final.

Voilà! Já expomos aqui que o tão querido cream cheese é um ingrediente versátil e muito mais saudável que outras tantas opções de queijo — cremoso ou não. Ainda que possa acrescentar, e muito, nas suas capacidades culinárias ao ser usado em todo o tipo de receita.

Procure por quem tem a capacidade de oferecer as melhores opções para você, com todo tipo de ingrediente. Venha conosco!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-