Para administrar um negócio no ramo alimentício, é preciso ter o controle sobre muitos fatores. Entre eles, está o estoque com todos os produtos que serão necessários para preparar suas receitas. Apesar de estar entre os tópicos mais importantes, na prática, o cuidado com a validade de produtos e disponibilidade deles na despensa não parece tão simples, não é mesmo?

A verdade é que esse tipo de cuidado evita desperdícios, tanto de produtos quanto de dinheiro. E foi pensando nisso que preparamos o post de hoje. Veja agora 5 dicas para não perder nenhum produto e se tornar mestre do estoque!

Faça um inventário para não perder a validade de produtos

Para manter o controle sobre seu estoque e não perder a validade de nenhum produto, é preciso se planejar. Isto é, você terá que listar exatamente quais são os insumos que você já tem, quando eles foram comprados e qual é o limite máximo para serem consumidos.

O ideal é que você consiga formatar um fluxo de uso desses produtos de forma que eles não se aproximem da data de validade calculada pelo fabricante. Para tanto, existem planilhas e até softwares que ajudam bastante na gestão de seu estoque.

Esteja à frente da demanda

Frequentemente, o que influencia muito na má gestão do estoque e, consequentemente, na perda da validade dos produtos, é a compra exagerada de insumos. Isso pode acontecer por erros nos cálculos de demanda ou simplesmente porque aproveitamos promoções.

O ideal é se manter à frente da demanda. Ou seja, cruzando as informações de sua previsão de vendas com o prazo de validade dos insumos necessários para produzir essas receitas. Dessa forma, você conseguirá ter um controle maior sobre quantidades e prazos de seu estoque.

Delimite uma quantidade mínima e máxima para os alimentos

Outro ponto muito importante para ter o controle da validade de produtos é estabelecer um limite mínimo e máximo de quantidades em seu estoque. Uma boa dica é saber quantos produtos são necessários para uma semana e um mês de trabalho. Esses números serão respectivamente seus limites mínimos e máximos. Dessa forma, caso você tenha qualquer tipo de problema com eles, ainda terá uma margem para trabalhar.

Estabeleça um método de reposição

Para evitar que você perca o controle de seu estoque, é importante estabelecer um método de reposição. E, para isso, existem duas formas de trabalhar: contínua ou periódica.

O primeiro caso é aquele em que você receberá insumos constantemente. A vantagem está no fato de que você terá um estoque menor. Mas, por outro lado, você terá menos poder de negociação com os fornecedores, pois comprará menores quantidades.

Já a reposição periódica é aquela na qual você usa quase todos os produtos do estoque e, de uma vez só, repõe todos eles. O lado bom desse método é conseguir negociar valores mais em conta pela compra. No entanto, a desvantagem está no fato de que você terá que administrar uma quantidade grande de insumos em sua confeitaria.

Mantenha cuidados de higiene em seu estoque

Por fim, um dos cuidados mais importantes com seu estoque é com a limpeza. Isso porque o prazo de validade das matérias-primas é calculado com base nas condições ideais de armazenamento. Ou seja, se a farinha ficar em um local úmido, por exemplo, ela vai estragar antes do prazo.

Por isso, é muito importante que o local de armazenamento seja ao abrigo do sol, livre de umidade e com prateleiras acima do nível do chão.

Para os itens que devem ser mantidos resfriados é preciso ter uma geladeira especialmente para isso. Essa necessidade existe porque quando usamos a geladeira de casa, ela é aberta com muita frequência, o que pode modificar drasticamente a temperatura interna do refrigerador.

Cuidar da validade de produtos exige bastante organização. Mas, com as dicas desse post, não existirão mais motivos para você se perder em meio ao estoque de sua confeitaria.

Se você gostou das dicas e quer ficar por dentro de mais conteúdos como esse, assine nossa newsletter. Prometemos ajudar seu negócio a decolar de uma vez por todas!