Ainda hoje, muitas pessoas têm receio de usar amido de milho em receitas por acreditar que ele pode conferir uma textura ruim, empelotada, ou mesmo um sabor muito forte — quase como o de mingau.

Mas você sabia que, se usado de forma correta, o amido de milho pode ser seu grande aliado na cozinha? Confira algumas vantagens que esse ingrediente pode trazer para você!

O que é amido de milho?

Também conhecido como “Maizena”, o amido de milho é um polissacarídeo composto por carbono, hidrogênio e oxigênio. O milho é composto por três partes:

  • casco: parte externa, que envolve o grão;
  • germe: parte do grão comumente usada na fabricação de ração animal ou de óleo de milho;
  • endosperma: parte do grão onde encontramos as proteínas e o amido.

O amido de milho é produzido a partir da trituração do grão, na qual se separa o endosperma das outras partes. Esse endosperma é refinado até se tornar o amido de milho na forma em que o conhecemos.

Nas receitas, o amido de milho atua como agente espessante. Isso porque, uma vez aquecidas, as moléculas de amido se abrem em longas cadeias nas quais as moléculas de água se prendem. Assim, toda a água fica presa em grandes aglutinados, o que confere a textura cremosa característica das receitas com amido.

Quais são as vantagens de usar amido de milho na cozinha?

1. Não tem glúten

Com a crescente preocupação em manter uma alimentação leve e saudável, muitas pessoas optam por usar amido de milho como agente espessante em suas receitas no lugar da tradicional farinha de trigo.

Isso porque, ao contrário dos derivados de trigo, o amido de milho não tem glúten, o que o torna ideal para a alimentação de pessoas celíacas ou com qualquer tipo de restrição ao consumo dessa substância.

2. Baixo índice glicêmico

O amido de milho é um polissacarídeo, o que significa que ele é uma molécula de cadeia longa composta por milhares de moléculas menores de amilose e amilopectina.

Por esse motivo, o organismo precisa quebrar o amido em partes menores antes de usá-lo. Como esse processo é demorado, a glicose do amido vai sendo liberada aos poucos, fazendo com que ele tenha um baixo índice glicêmico e cause uma sensação de saciedade mais prolongada. Isso ajuda a regular o apetite, por exemplo.

Mas atenção: mesmo com índice glicêmico baixo, o consumo excessivo de amido é prejudicial à saúde. Além disso, por ser um carboidrato puro, ele pode causar aumento de peso se consumido em grandes quantidades de forma frequente.

3. Auxilia na recuperação pós-treino

Algumas pessoas consomem amido de milho após o treino. Por ser rico em carboidratos de qualidade, ele ajuda na absorção das proteínas e aminoácidos, tornando-se uma excelente alternativa para quem quer ganhar massa magra sem necessariamente perder gordura.

E você, já conhecia as vantagens de usar amido de milho nas suas receitas? Muita gente não imagina que ele pode ser tão saudável. Aproveite e conheça esse ingrediente fantástico para suas receitas!

 

banner-4