Trabalhar com comida requer muita responsabilidade. No Brasil, temos uma legislação específica que regulariza serviços de alimentação, bem como órgãos que fiscalizam os estabelecimentos. Por isso, manter a segurança em restaurante é fundamental.

Quem é dono do próprio negócio e busca se profissionalizar deve estar sempre atento à qualidade dos produtos. Não é só a satisfação dos clientes que depende dela, mas a saúde deles também.

Quer saber como garantir isso? Temos cinco dicas importantíssimas para ajudá-lo. Acompanhe!

Cumpra a legislação

Para atuar nesse ramo é imprescindível que você conheça as leis. O empreendedor ligado à alimentação precisa cumprir todas as normas da vigilância sanitária para ter certeza de estar oferecendo qualidade e saúde para os consumidores.

É importante lembrar-se de que acompanhar a legislação não é apenas uma obrigação: na verdade, demonstra o cuidado e a responsabilidade com o negócio e as pessoas que contratam o serviço. Garantir essa segurança em restaurante é uma das principais formas de fidelizar o público.

Fique atento às instalações de gás

Infelizmente, o gás de cozinha guarda muitos perigos. Ter atenção com as instalações e tomar providências diante de qualquer sinal de vazamento ou falha é fundamental para manter a segurança de todos no trabalho. Quem atua na cozinha enfrenta riscos, pois o gás é um produto com grande potencial inflamável.

Assim, é importante usá-lo com segurança e saber como reagir diante do perigo. Para evitar uma emergência, acompanhe as condições das instalações e faça manutenções frequentes. Ao sair à noite, tenha o cuidado de fechar todas as válvulas — dessa forma, você se protege contra vazamentos.

Mantenha o estabelecimento sempre limpo

As estruturas de um estabelecimento que trabalha com alimentação devem estar impecáveis. Afinal, qualquer sujeira compromete a qualidade do produto e pode causar graves doenças. Para manter a higiene adequada você não deve se prender apenas ao que vê.

A cozinha pode se tornar um ambiente de proliferação de micro-organismos ou pequenas pragas, mesmo sem você perceber. Por isso, conheça as orientações da vigilância sanitária e mantenha-se em dia com os cuidados.

Estabelecimentos maiores devem ter uma boa equipe de funcionários na limpeza. Além disso, é importante que o dono do local treine os colaboradores e acompanhe de perto a qualidade do serviço. Limpar um restaurante apenas uma vez ao dia não é suficiente.

Verifique a integridade dos alimentos

Esse é outro cuidado indispensável quando se trabalha com alimentação. Infelizmente, há casos em que empresários vendem ou utilizam alimentos fora das condições ideais. Isso não pode acontecer: além de ser uma violação da lei, essa atitude coloca em risco a saúde das pessoas.

Por isso, esteja atento à validade e à conservação dos alimentos que utiliza. O primeiro passo para isso é escolher fornecedores de confiança. Depois, é preciso saber armazenar corretamente cada item. Tenha cuidado especial quando for utilizar produtos que já foram abertos ou usados anteriormente.

Ofereça equipamentos de proteção aos funcionários

Um restaurante também precisa pensar na segurança de seus colaboradores. Por isso, prover materiais de qualidade é fundamental para evitar acidentes de trabalho.

Além disso, os funcionários de um restaurante precisam utilizar equipamentos de proteção individual (EPIs) específicos para suas necessidades. Pode haver demanda para o uso de luvas, calçados especiais, toucas e aventais, por exemplo.

Esses são alguns dos principais cuidados que é preciso ter para manter a segurança em restaurante. Se seguir essas dicas, seu estabelecimento estará sempre organizado e não terá problemas com a vigilância sanitária. Além disso, a experiência positiva dos clientes fica garantida.

Achou este conteúdo interessante? Quer ter acesso a alimentação de qualidade? Então, siga nossas páginas nas redes sociais: estamos no Facebook e no YouTube!