Perfeito para diferentes tipos de aplicações, o corante para doces é essencial no dia a dia dos confeiteiros. Eles aparecem nas pinturas de bolos e doces, nas coberturas feitas com pastas e em chocolates que precisam ser trabalhados em diferentes cores. A imaginação do profissional é o limite!

Mas é preciso atenção ao trabalhar com esse ingrediente porque existem diversas versões para cada tipo de uso. Neste post você vai saber quais são os tipos de corantes para doces e como escolher o melhor para diferentes texturas e matérias-primas. Vamos lá?

Lipossolúveis x hidrossolúveis

Antes de começar, é necessário entender as diferenças entre os corantes lipossolúveis e hidrossolúveis. O primeiro se dissolve melhor em matérias-primas gordurosas, como manteiga e chocolate.

Já os corantes hidrossolúveis funcionam melhor em composições com mais água, como chantilly, glacê, gelatinas, geleias de brilho, macarons e pasta americana. Além disso, os corantes para doces podem ser encontrados também em gel, pó, líquido e até mesmo em spray.

Corante em gel

O corante em gel é o mais versátil de todas as versões, já que é altamente rentável. É ideal chegar em qualquer tonalidade e pode ser usado tanto em pratos doces quanto salgados, uma vez que não altera o sabor dos alimentos.

Ele é ideal para pasta americana, glacês e chantilly, portanto faz parte do grupo dos hidrossolúveis. Esse corante também é econômico, pois são necessárias apenas algumas gotas para colorir. Ele também não altera a consistência de preparos delicados, como glacês e marshmallows.

Corante em pó

Assim como o anterior, o corante em pó não tem sabor e é indicado para trabalhos minuciosos, como as pinturas em superfícies. Ele pode ser usado tanto seco quanto molhado. Nesse segundo caso, deve ser diluído em ingredientes específicos, como as essências para bolos.

O corante em pó é indicado para coloração de massas de bolos e de biscoitos, tingimento de cremes amanteigados e também para as coberturas secas, como pasta de chocolate e pasta americana. Para pintar a superfície ou os detalhes dessas coberturas, basta diluí-lo e fazer o trabalho com o auxílio do pincel culinário.

Corante líquido

O corante líquido é outra opção para quem realiza trabalho de pintura em pasta americana. Além do tingimento de preparos neutros, como glacês e pasta americana, ele também pode ser usado para realçar cores.

Apesar de todos esses usos em massas, coberturas, pastas, doces e salgados em geral, a melhor dica para esse tipo de corante é misturá-lo com líquidos pink e blue lemonade.

Corante em spray

Esse corante para doces é extremamente prático, pois já vem pronto para uso e você não precisa fazer nenhum tipo de mistura para ativá-lo. É ótimo para conferir acabamento em doces e salgados, resultando em preparos mais brilhantes e iluminados.

Uma dica importante: cuidado para não concentrar muito produto em determinadas partes e prejudicar o acabamento.

Gostou de saber um pouco mais sobre corante para doces? Aproveite para ver também nosso conteúdo sobre aromas e corantes para chocolate que já está disponível no blog!