Importantes para conferir sabor e aroma aos pratos, há séculos os temperos são cultivados e apreciados em todo o mundo. A época das grandes navegações, por exemplo, ficou marcada pela importância das especiarias para diversos povos e países.

No Brasil, são vários os tipos de temperos utilizados. Alho, cebola, louro e outros condimentos deixam até o arroz com feijão do dia a dia ainda mais especial. Mas você sabe utilizar os principais temperos do país? Confira neste post quais são os principais e como usá-los:

Alho

Quase obrigatório na maioria dos pratos, sozinho ou acompanhado de cebola, o alho está presente em todas as casas brasileiras e também nas cozinhas profissionais. Para retirar seu sabor forte e picante, geralmente é dourado no início das preparações.

Mas é preciso cuidado para o alho não queimar, já que isso confere sabor amargo ao ingrediente. Hoje, é também encontrado na versão desidratada e em pó.

Louro

É um tempero muito conhecido dos brasileiros por ser uma das marcas registradas da feijoada. Geralmente, as folhas de louro são utilizadas secas e são indicadas para pratos de cozimento longo, como ensopados.

Quando o sabor e o aroma do louro já estão incorporados ao caldo, é importante retirar as folhas, já que elas não têm textura agradável para consumir à mesa.

Pimenta-do-reino

Uma das especiarias mais utilizadas no mundo, essa pimenta é encontrada em três versões: branca, verde e preta, sendo a última a mais conhecida dos brasileiros. Esses três tipos de temperos são originados da mesma planta, colhida em diferentes tempos de maturação.

A pimenta-do-reino branca é indicada para carnes brancas e a verde é utilizada em conservas. Já pimenta-do-reino preta vai bem com praticamente todos os tipos de pratos salgados, mas a dica é não exagerar no consumo.

Cebolinha

Quando em dupla com a salsinha, forma o famoso cheiro-verde. De sabor fresco e levemente picante, é muito utilizada em omeletes, patês, saladas, peixes e vinagrete.

Por ser uma erva fresca que não suporta altas temperaturas, é importante incluí-la aos pratos nos últimos momentos do cozimento ou no momento da finalização.

Alecrim

Encontrado na forma fresca ou seca, o alecrim é ideal para ser incluído em marinadas e assados, já que é resistente a altas temperaturas.

Seu sabor combina muito bem com porco, cordeiro e coelho e harmoniza também com peixe e batata. Por ser uma erva aromática, pode ser utilizado para saborizar azeites e vinagres.

Manjericão

O uso mais conhecido do manjericão é no molho pesto, mas essa erva combina também com molhos de tomate, assados, lagosta e saladas. Seu aroma e sabor são marcantes e agradáveis e ele deve ser utilizado em sua forma fresca.

Uma dica importante é não usar faca para picar as folhas, e sim rasgar o manjericão com as mãos na hora de incluí-lo nos pratos.

Orégano

A utilização do orégano não se limita às pizzas e massas. Seja em sua forma seca ou fresca, o condimento vai muito bem com peito de frango, queijos e batata. Por ter aroma forte e mais amargo, não é indicado para pratos com peixes e frutos do mar.

Com a internet, esses e muitos outros tipos de temperos podem ser adquiridos de forma rápida e prática. Assim, você garante que sempre encontra os seus favoritos, mesmo que sejam mais incomuns e difíceis de achar nos mercados tradicionais.

Visite a nossa loja virtual e surpreenda a todos com os sabores e aromas da sua próxima receita!