O Red Velvet já é há algum tempo o bolo mais popular nos Estados Unidos. Aqui no Brasil, onde é conhecido como “veludo vermelho”, ele se popularizou há pouco tempo, em grande parte devido ao fato de termos cada vez mais confeitarias especializadas em culinária americana.

Mas você sabe qual é a origem do tradicional bolo vermelho? No post de hoje, vamos contar a história do bolo Red Velvet e ainda apresentar algumas variações bem interessantes. Acompanhe!

Como surgiu o bolo Red Velvet?

Na década de 1940, período da Segunda Guerra Mundial, os chefs norte-americanos precisavam utilizar toda a sua criatividade devido à falta de ingredientes. Então, resolveram testar o uso de beterraba na massa dos bolos, já que a planta continha uma grande quantidade de açúcar e ferro.

A partir desse teste, nasceu o famoso Red Velvet: a massa ficou naturalmente vermelha, e, pouco a pouco, esse tipo de bolo tornou-se tradição nos Estados Unidos.

Hoje, existem inúmeras variações da receita, e a beterraba já pode ser substituída por corante. A seguir, conheça quatro ideias criativas para servir um delicioso Red Velvet!

1. Red Velvet Tradicional

Originalmente, o Red Velvet é um bolo em camadas geralmente três —, de coloração vermelha, recheado e coberto com buttercream de cream cheese.

A receita tradicional do bolo, muito popular no mundo todo, foi criada pelo chef do Waldorf Astoria, um famoso e luxuoso hotel de Nova Iorque. Muito saboroso, o bolo tem massa e recheio suaves e agrada facilmente o paladar até dos mais exigentes.

2. Cupcake de Red Velvet

O Cupcake de Red Velvet nada mais é do que uma versão do bolo em tamanho menor. Esse modo de fazer tem sido cada vez mais adotado em festas, tanto infantis quanto adultas, devido à facilidade para servir.

Essa escolha é a ideal se você quiser dar um visual mais refinado para o seu evento. Além disso, o Cupcake de Red Velvet é uma alternativa menos doce do que os tradicionais bolinhos de chocolate. Experimente!

3. Naked Cake de Red Velvet

Os naked cakes, ou “bolos pelados”, são os queridinhos dos últimos tempos no que se refere às tendências de confeitaria.

Se você ainda não cansou de ouvir falar neles, um Naked Cake de Red Velvet pode surpreender por seu sabor e, principalmente, beleza — a sua tonalidade vermelha fica à mostra, já que uma das características dos naked cakes é não possuir cobertura.

Para rechear um Red Velvet desse tipo, experimente combinar o tradicional buttercream de cream cheese com frutas vermelhas. O resultado é surpreendente!

4. Macarons de Red Velvet

Dentre as receitas mais difíceis da confeitaria, estão os charmosos e muito apreciados macarons. Os doces, que são tradicionalmente coloridos, ganham tons avermelhados com a receita de Red Velvet.

Para fazê-los, basta tingir os biscoitos de amêndoas com corante vermelho e recheá-los com o tradicional buttercream de cream cheese. Os macarons são excelentes para presentear. Você pode montar uma caixa delicada com 4 ou 6 unidades do produto e, com certeza, vai fazer feliz quem receber o mimo. Vale a tentativa!

Esperamos que você tenha gostado das nossas sugestões e que possa impressionar a todos com as variações de Red Velvet, já que a receita está cada vez mais popular e famosa no Brasil.

Oferecer diversidade de opções no seu cardápio, não se limitando apenas ao tradicional, é fundamental para crescer, conquistar novos clientes e fidelizar os antigos.

Gostou das nossas dicas para fazer um saboroso bolo Red Velvet? Que tal então compartilhar este post nas suas redes sociais para que mais pessoas conheçam novas formas de preparar o veludo vermelho?