fundocrocante

Quem não gosta de um bom hambúrguer? Antes, vender o sanduíche era restrito às grandes redes de fast food. Quem não possuía capital para investir e tinha vontade de abrir uma hamburgueria precisava se limitar a engavetar o sonho, mesmo que tivesse nas mãos aquela receita deliciosa herdada da avó.

Mas os tempos mudaram. As hamburguerias artesanais e gourmets estão em franca ascensão no Brasil, surfando no hábito dos brasileiros de saírem para comer. Segundo dados divulgados pela
 o segmento de alimentação fora de casa cresceu 8,56% em 2016. Aproveite, pois talvez agora seja a sua vez! Conheça no post de hoje os passos para abrir uma hamburgueria.

1. Faça um amplo estudo de mercado

Além de possuir uma grande capacidade de gestão, identificando-se com o ramo, um empreendedor que pense em abrir uma hamburgueria precisa realizar um estudo de mercado para entender como funciona a cabeça do seu público-alvo, mapear a concorrência e estabelecer qual será a sua relação com os fornecedores.

2. Opte por negócio próprio ou franquia

Com isso em mãos, fica mais fácil saber se é melhor ter um negócio próprio ou investir em uma franquia.

Ser um franqueado tem suas vantagens, como seguir o modelo de negócio criado e estabelecido no mercado. Ter seu negócio próprio também é gratificante. No entanto, é preciso começar um projeto do zero. Nada te impede de, após o sucesso da sua hamburgueria, criar também uma rede de franquias.

3. Invista no seu diferencial

Como tudo na vida, não adianta apenas ter um sonho. A competitividade no mercado de hambúrgueres é grande: segundo levantamento do Instituto de Gastronomia feito em 2015, existem cerca de 300 hamburguerias na cidade de São Paulo.

Isso significa que você precisa apostar na qualidade da sua experiência. Hoje em dia, tudo se resume a entregar
 Um ambiente diferente, aconchegante e um atendimento de qualidade são alguns pontos que as pessoas levarão em conta na hora de optar em gastar dinheiro no seu negócio.

4. Use ingredientes de qualidade

A carne é seu principal produto, então invista na sua qualidade. Não é a hora de economizar — pode ser um verdadeiro tiro no pé. É preciso que todos seus ingredientes tenham uma procedência de alta credibilidade e possuam uma qualidade inquestionável. Por isso, é essencial ter fornecedores de confiança.

5. Faça um cardápio diferente

Você precisa oferecer aos seus clientes um cardápio variado e inovador. Aguce a curiosidade! Tenha opções na manga, trabalhe com a variedade dos produtos, crie diversos lanches. Inove! Essa é uma forma de se destacar em meio às grandes franquias. E ainda ofereça opcionais diversos, como maionese e molhos.

Para finalizar, pense sempre nos preços. Não aumente muito o preço ou sua margem de lucro no começo. Tente sempre vender pelo menor valor possível e foque em conquistar a sua clientela. Depois, vá reajustando. Na hora de precificar seu lanche, lembre-se de que um Big Mac custa cerca de R$ 12,50.

Agora que você já sabe os principais passos para abrir uma hamburgueria, aproveite e leia nossas 5 dicas de gestão de negócios para donos de hamburguerias.