virgin olive oil pouring in a spoon

Um assunto bastante controverso no tema da alimentação — e que costuma gerar muitas dúvidas — é o uso de óleos na culinária. Apesar de já ser comprovado que as gorduras têm um papel importante no funcionamento do organismo, muitas pessoas ainda acreditam que seu consumo deve ser o mínimo possível, evitado ao máximo.

Mas, os óleos e gorduras, principalmente de fontes vegetais, são indispensáveis na preparação da comida, para temperar saladas, grelhar alimentos ou finalizar pratos. Se escolhidos e utilizados corretamente, eles podem trazer diversos benefícios à saúde.

Quer descobrir qual é o melhor óleo para cada preparação? Confira!

Óleo de coco

Considerado uma das opções mais saudáveis atualmente, o óleo de coco é rico em ácidos graxos, antioxidantes e vitamina E. Pode ser armazenado em temperatura ambiente e oscila entre a forma pastosa e líquida.

É bastante utilizado para temperar saladas ou na preparação de arroz, massas, grelhados, assados e até doces. Uma grande vantagem deste óleo é que ele é rapidamente absorvido e metabolizado pelo organismo. Uma colher de sopa tem 90 calorias.

Óleo de girassol

Rico em ômega 3 e 6 e uma boa fonte de vitamina E e gorduras monoinsaturadas, o óleo de girassol é considerado “amigo do coração”, pois aumenta o colesterol bom (HDL) e diminui o colesterol ruim (LDL).

Pode ser aquecido a até 200 ºC e, por isso, é uma boa opção para frituras. No preparo de carnes, peixes e legumes, oferece a vantagem de manter as características originais do alimento, não alterando o sabor, a cor e o cheiro. Uma colher de sopa tem 91 calorias.

Óleo de milho

Com uma boa concentração de ômega 3 e 6 em sua composição, este óleo tem baixo teor de gorduras saturadas e pode ser utilizado no preparo de doces, massas e bolos.

O óleo de milho não é indicado para consumo frio e nem deve ser aquecido a altas temperaturas. Por isso, seu uso é mais popular na área da confeitaria. Uma colher de sopa tem 95 calorias.

Óleo de algodão

Extraído da semente de algodão, este óleo é rico em antioxidantes e vitamina E. Por manter suas propriedades mesmo após aquecido, pode ser utilizado em frituras.

O óleo de algodão também é uma boa opção na preparação de molhos para saladas e maioneses. Uma colher de sopa tem 90 calorias.

Azeite extravirgem

É considerado a melhor opção para finalização de receitas, pratos frios e saladas, contribuindo para a saúde do coração. Rico em ácidos monoinsaturados e vitamina E, o azeite de oliva extravirgem deve ser prensado a frio e armazenado em garrafas de vidro escuro, para evitar contato com luz e com o calor.

O azeite não pode ser aquecido a altas temperaturas, pois sua estrutura molecular se modifica e ele se torna prejudicial à saúde. Uma colher de sopa tem 89 calorias.

Óleo de soja

O óleo mais usado na cozinha brasileira é uma boa opção para frituras, pois resiste bem quando aquecido a altas temperaturas, mas seu sabor forte pode alterar o sabor dos alimentos.

Tem uma boa concentração de ômega 3, 6 e vitamina E e pode ser utilizado em preparações grelhadas e assadas, tanto doces quanto salgadas. Uma colher de sopa tem 98 calorias.

Ghee

O ghee nada mais é do que a manteiga clarificada. Através de um processo de aquecimento controlado e coação, retira-se da manteiga a lactose e a água, restando apenas a gordura.

É considerado uma opção saudável para cozinhar, tem alta resistência ao calor e é conhecido por seus diversos benefícios à saúde. Além de equilibrar a acidez gástrica, seu consumo estimula o metabolismo, nutre o sistema nervoso e auxilia na eliminação de toxinas. Uma colher de sopa tem 100 calorias.

É importante ressaltar que cada tipo de óleo é mais indicado para um tipo de preparação e a melhor forma de aproveitar os benefícios de cada um deles na culinária é variar. Para cada prato, uma escolha diferente que favorece o sabor dos alimentos e contribui para a saúde.

Se quiser saber mais sobre esse assunto, não deixe de ler nosso artigo: Conheça os tipos de óleo disponíveis no mercado.