Cocoa powder and cocoa beans  on wooden background

Você já deve ter ouvido falar do cacau em pó, não é verdade? Já são muitas as pessoas que têm optado por usar esse produto como substituto do super adocicado e mega calórico chocolate em várias receitas tradicionais do dia a dia. Mas por que esse alimento se tornou o novo queridinho dos adeptos da alimentação fitness? Pois é o que você vai descobrir agora mesmo, acompanhando nosso post:

Origem do chocolate

O cacau é uma fruta originária da América do Sul que era comumente consumida pelas antigas civilizações. Mas seu sabor amargo e levemente apimentado acabou atraindo o interesse de outras populações, como os portugueses e os espanhóis, expandindo seu consumo pelo mundo afora. O cacau é o principal ingrediente do tradicional chocolate, que é, hoje, um dos alimentos que mais movimenta a economia mundial. Mas o delicioso chocolate a que estamos acostumados é rico em açúcar e gorduras saturadas. A solução para esse embate entre a gastronomia versus o movimento fitness se deu pelo consumo do cacau puro, surgindo como uma alternativa para evitar os excessos negativos da ingestão regular do chocolate comum.

Gordura mínima

Como o cacau é uma fruta, sua composição alimentar é rica em carboidratos e fibras alimentares, mas extremamente pobre em gorduras. Essa característica, por si só, já é vantagem suficiente para as receitas fitness, uma vez que nesse tipo de alimentação é interessante reduzir ao mínimo o consumo de gorduras — em especial as saturadas —, para se evitar a formação de reservas adiposas e favorecer o desenvolvimento da massa magra.

Riqueza em vitaminas e minerais

O cacau é uma fruta nutricionalmente rica, contando, em sua composição, com minerais importantíssimos para a saúde humana — como o cálcio, o fósforo, o ferro, o potássio e o sódio. Esses minerais ajudam em funções metabólicas essenciais, como o funcionamento dos rins, a criação de novas células sanguíneas e até o desenvolvimento da massa óssea. Além disso, o cacau também é fonte de vitaminas C e E, que atuam como valiosos antioxidantes obtidos por meio da alimentação.

Fonte de fibras

Uma outra característica bastante importante do cacau, que chama a atenção para sua utilização em receitas fitness, é sua alta concentração de fibras alimentares. Essas fibras têm uma atuação essencial em nosso organismo, pois ajudam a controlar a saciedade, fazendo com que se mantenha o controle sobre o apetite, tendo-se uma menor necessidade de ingerir calorias. Além disso, as fibras também ajudam no controle dos níveis de glicose e colesterol sanguíneos, além de favorecerem o funcionamento do trânsito intestinal.

Açúcar na composição

O chocolate apresenta vários dos benefícios também relacionados ao cacau — como a concentração de vitaminas e minerais, por exemplo —, mas a elaboração do doce usa uma grande quantidade de açúcar, que, quando consumida, passa a ser prejudicial à saúde. A grande vantagem do consumo de cacau em pó é que esse alimento não contém açúcar livre em sua composição, podendo ser ingerido sem maiores preocupações.

Por mais que o cacau seja um importante ingrediente para os adeptos das receitas fitness, pelas diversas características positivas que proporciona em comparação à sua versão mais adocicada e gordurosa, seu consumo isolado não é capaz de trazer benefícios para o organismo. Assim, o cacau em pó pode, sim, fazer parte de uma alimentação equilibrada e balanceada, mas deve ser conjugado com outros diversos grupos de alimentos, a fim de se obter toda a gama de nutrientes necessários para a devida qualidade de vida do organismo.

Agora queremos ouvir sua opinião: você já usa o cacau em pó  em seu cardápio?  Comente aqui e compartilhe suas receitas e experiências conosco!