topo-categoria-biscoito Um dos açúcares mais importantes da culinária e da alimentação humana é o amido.  Este é o carboidrato mais consumido por nós, humanos, já que é encontrado em alimentos comuns como o arroz, a batata e o milho.

Além de ser uma fonte essencial de energia para a nossa dieta diária, o amido apresenta características que valorizam seu uso na nossa culinária. Vamos citar abaixo quatro curiosidades sobre esta enorme molécula de energia dos alimentos. Confira!

Utilização na produção de cremes e pastas alimentícias

Você sabia que o amido é um dos ingredientes utilizados na produção de alimentos cremosos como o requeijão, creme de leite, doce de leite ou leite condensado? O amido tem uma característica importante para a culinária, que é a formação de gomas, permitindo o aspecto pastoso e homogêneo destes alimentos mais cremosos. É claro que as receitas tradicionais destes produtos apresentam um limite de amido que permite ser utilizado para a formação desta goma, evitando descaracterizar o sabor e a consistência. Quanto maior a quantidade de amido nestes produtos, mais pastosa é a consistência e menos nutritivo será o alimento, já que o uso desse polissacarídeo substitui a utilização de maiores quantidades de leite, que é um produto mais caro que o próprio amido.

O biscoito amolece por causa do amido

O polissacarídeo amido é bastante susceptível a mudança de umidade. Quando em contato com ambiente com muita água, a tendência é que suas estruturas formem um gel maleável, permitindo a entrada de água em suas moléculas. Este é o fenômeno que deixa seus biscoitos (ou bolachas) com aquele aspecto envelhecido e “borrachento”, quando exposto por muito tempo ao ar livre, ou em contato com superfícies úmidas, como ocorre em alguns tipos de tortas. Em contratempo, se em contato com ambiente extremamente quente, como acontece no aquecimento do pão, suas estruturas se expandem e se ressecam, ficando duras como no pão francês velho ou nas torradas. Esta característica instável do amido é sua maior vantagem e também desvantagem, se ocorre em situações não planejadas pelo cozinheiro.

Uso industrial

A versatilidade do amido é tão grande que este produto também é usado nas indústrias têxteis e de papelaria, já que sua goma é excelente para dar resistência e melhor aparência para estes produtos. Ele também pode ser usado como um tipo de cola, já que quando tostado forma a dextrina, que é pegajosa e altamente eficiente para colar dobraduras, selos e envelopes.

Espessante natural

O amido também pode ser utilizado para espessar alimentos ou líquidos, quando necessário. Muitos espessantes utilizados na indústria alimentícia, ou na medicina para tratar casos de dificuldade de deglutição de líquidos, são compostos químicos. A grande vantagem do amido é que ele é um espessante 100% natural, sem riscos após sua ingestão, já que é uma enorme molécula de açúcar. Espessantes de amido são utilizados na elaboração de sorvetes, molhos prontos, cremes prontos e sopas industrializadas. Na medicina o amido é adicionado a sopas, água e sucos servidos a pacientes que tem dificuldade de deglutição, devido ao avanço da idade ou a alguma complicação neurológica. Os alimentos pastosos são mais fáceis de deglutir, se tornando fonte segura de nutrição para este tipo de paciente.

Você sabia que o amido era tão versátil assim? Já pensou em várias receitas suas que necessitam de adição de amido para que fiquem mais bonitas e saborosas? Ou já teve dificuldade em mexer com este tipo de polissacarídeo, como ao preparar uma torta de biscoitos que ficou com a estrutura mole, ou ao fazer um pão que ressecou demais? Conte um pouco para a gente, tire suas dúvidas e interaja conosco nos comentários abaixo!

Clique aqui e encontre diversas marcas de amidos para o seu negócio!