0,,20913202,00Você é cozinheiro ou cozinheira de mão cheia e acha que está na hora de equipar sua cozinha para fazer seu trabalho de forma mais profissional?

Para os empreendedores do ramo de alimentos que já possuem um espaço ou que trabalham em casa, a dica mais importante é não descuidar do planejamento. Não basta sair comprando equipamentos caríssimos sem ter certeza do que fará com eles ou mesmo se eles caberão no seu espaço.

Para não errar, confira nossas dicas para montar sua primeira cozinha industrial e preparar seus alimentos de forma higiênica, rápida e com muita qualidade!

Imagine uma fábrica…

A cozinha industrial não tem esse nome à toa. Pense numa linha de montagem onde cada parte é responsável por uma etapa na elaboração de um prato. Por isso, antes de comprar equipamentos, você precisa definir um ramo de trabalho – como salgados, lanches, doces, marmitex, bolos, pizzas –, porque cada tipo de alimento exige utensílios diferentes.

Peça ajuda profissional

Consultar um arquiteto para projetar sua cozinha pode evitar muitas dores de cabeça! Esse profissional fará um projeto de acordo com as suas necessidades e manterá um bom espaço de circulação, instalando em sequência aqueles equipamentos que precisam estar próximos uns dos outros e separando áreas secas e molhadas.

Pense nas dimensões da cozinha

A quantidade de alimentos que você preparará por dia precisa ser calculada de antemão prevendo uma expansão futura para que bancadas, despensas, fornos, fogões, freezers e geladeiras tenham tamanhos adequados. Pense nas refeições por turnos (como almoço e jantar) e dimensione prevendo uso de capacidade máxima.

Providencie os equipamentos necessários

De forma geral uma cozinha industrial precisa ter:

  • Área para receber produtos de fornecedores, como verduras frescas, carnes, enlatados, etc.;

  • Espaço para armazenamento de alimentos, como despensas, geladeiras, freezers e câmara fria;

  • Área para higienizar alimentos com pias de aço inox e bancada;

  • Área para preparo inicial, como cortes e fatiamentos com bancada;

  • Área para guardar utensílios como panelas, vasilhames e talheres;

  • Área de cozimento com fogão, forno, chama, fritadeira e coifa de exaustão;

  • Área para embalar e armazenar alimentos prontos para entrega;

  • Área de lavagem de utensílios com pia, bancada e lavadora de louças;

  • Área de serviço para lavagem de toalhas, aventais e panos de cozinha (não se esqueça: produtos de limpeza bem longe dos alimentos!);

  • Local separado para colocar o lixo (dentro da cozinha as lixeiras devem ter pedais);

  • Abrigo externo de gás.

Aproveite bem seu espaço

Instale armários e prateleiras em locais estratégicos, colocando no alto os equipamentos que você usa menos. Aproveite o espaço sob as bancadas para facilitar o alcance. Lembre-se de nunca armazenar alimentos no chão! Sua cozinha deverá ser lavada diariamente, por isso não obstrua o piso com caixas, sacolas ou objetos soltos.

Planeje o uso da luz e do ar

Iluminação e ventilação são muito importantes! Dê preferência à luz natural e não obstrua passagens de ar. Instale bons equipamentos de ar-condicionado pois fogões e fornos esquentam muito o ambiente e invista também em coifa de exaustão no fogão, chapa e fritadeira para absorver a gordura.

Use os revestimentos corretos

Por lei todas as cozinhas industriais precisam ser revestidas com azulejos para facilitar a limpeza. O mesmo para o piso, que deve ser de cerâmica fria e fácil de lavar. As pias, cubas e bancadas devem ser em aço inox. Bancadas de madeira facilitam a proliferação de bactérias e precisam ser revestidas de fórmica, que é um tipo de película plástica muito resistente ao calor.

Fique de olho na lei

Se você já se registrou como autônomo ou microempresário já deve conhecer as exigências legais para poder colocar uma cozinha industrial em funcionamento, certo? Procure a prefeitura da sua cidade para tirar todas as licenças e seguir as normas da Vigilância Sanitária e do Corpo de Bombeiros para prevenção de incêndios.

E você, já pensou em montar sua primeira cozinha industrial? Compartilhe suas experiências com a gente nos comentários!